Trabants deixados na rua

01/11/2012 — 3 comentários

Trabant (companheiro de viagem em alemão), foi um automóvel produzido pela Sachsenring, na antiga Alemanha Oriental. O automóvel tinha uma carroceria de plástico, que era similar à fibra de vidro. Era o único carro que os alemães da parte socialista esperavam cerca de 3 anos para receber do governo, já que não podiam comprar. No inesquecível filme “Adeus, Lênin!” é mostrado como as famílias esperavam pelo dia que iriam receber o carro.

Quando o muro de Berlim caiu em 1989, os Trabats tornam-se um dos símbolos da antiga Alemanha socialista.  A produção do veículo deixou de existir em 1991, já que até os donos dos Trabants existentes os abandonavam nas ruas, pois, após a queda do muro, ao verem como eram atrasados seus donos os rejeitavam.

O apartamento que alugamos em Berlin ficava na antiga área socialista, a República Democrática da Alemanha (RDA). Em uma das noites, saindo para balada, olha o que encontramos em uma rua deserta.

Não é como voltar no tempo?

3 responses to Trabants deixados na rua

  1. 

    Poxa, cade a minha querida Lisboa? poxa!!

  2. 

    Amando seu blog, parabéns por suas conquistas.
    Saberia me dizer, que os exames médicos admissionais são realizados no Brasil e posterior em Dubai tb?
    Aguardo

  3. 
    Anna Carolina Shyne 02/11/2012 às 21:31

    Nossa, sou fascinada pelas historias da Alemanha de antigamente! Adorei o post: simples e super informativo!

Deixa um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s